Imprimir

Zanzibar e Pemba

Zanzibar é a evocação do exótico, um arquipélago situado no Oceano Índico e um destino  lendário e misterioso.

A Ilha de Zanzibar está a 40 quilômetros da Costa da Tanzânia. O nome desta ilha evoca sonhos de romance e mistério e a realidade surpreende o viajante acostumado e entediado com o turismo de massa. Quem busca experiências renovadoras e agradáveis de férias Zanzibar é o seu próximo destino.

Zanzibar é o ponto de encontro do mundo e, certamente, é o local onde a Arábia se encontra com a África. No passado a ilha foi o centro de comércio de escravos e marfim. Muitos navios carregados com produtos da Índia, Extremo Oriente, Europa e América chegaram aos portos de Zanzibar para comércio com a África. Um Bazar Indiano ainda funciona na ilha, assim como o maior mercado mundial de cravo-da-índia.

Os Árabes de Omã, que já governaram a ilha, deixaram para trás maravilhas arquitetônicas que estão em ótimo estado de conservação. O Sultan's Palace (Palácio do Sultão), o Arab Fort (Forte Árabe) e o Beit el Ajaib (Casa das Maravilhas), maior prédio em Zanzibar, são alguns dos exemplos de construção deixadas pelos Árabes.

Os visitantes sempre comentam que uma viagem para Zanzibar é como uma viagem de volta no tempo. A atmosfera é da época do colonialismo e explorações. As ruínas do mercado de escravos são um lembrete dos extremos da triste época de exploração. Muitos escravam marchavam até aqui do interior do continente, muitas vezes caminhando milhares de quilômetros. Em alguns dias os vendedores conseguiam vender até 600 vidas.

A Cathedral Church of Christ (Catedral Igreja de Cristo), que fica perto das construções de estilo persa 'Hammamni Baths', foi construída em 1879 no local de um antigo mercado de escravos e tem muita importância histórica. Ao sul de Zanzibar está a cidade murada de Kizimkazi, onde estão as ruínas do Shirazi Mosque (Mesquita Shirazi), que pode ter sido contruída a mais de 900 anos.

Acesso: A partir de Dar es Salaam - uma hora e trinta minutos de barco ou vinte minutos de avião. ※Para mais informações visite Zanzibar.NET.

A Ilha de Pemba (Al Khudra): Pemba é a segunda maior ilha do arquipélago de especiarias, chamado Al-Khudra, "Ilha Verde", pelos marinheiros árabes em reverência da profusão de muita fertilidade que eles encontraram após a sua viagem para o sul, ao longo da costa árida.

Encantados com as boas-vindas, estes mesmos marinheiros fundaram uma cidade em Ras Mkumbuu, possivelmente o mais antigo assentamento permanente ao sul de Lamu.

Pemba sobe do Oceano Índico em seu próprio pedestal de granito, uma massa de terra continental em si mesmo, coberto com capas de colinas verdes que caem através das plantações de cravo às tradicionais praias de areia branca.

Os recifes e canais são o melhor local para mergulho e pesca da África Oriental e pesca, enquanto que os próprios Pembans encarnam o Swahili costeiro na sua dignidade de forma e refinamento de boas-vindas.

Links Úteis

Visualize nossas sugestões de sites na Internet para páginas do Governo Tanzaniano e outros meios de comunicação (Televisão, Jornal, Rádio).

Notícias

Clique aqui para se informar dos últimos eventos na Embaixada da República Unida da Tanzânia em Brasília.

Registro de Tanzanianos

Bonyeza hapa, kama ni mtanzania unayeishi kati ya nchi za uwakilishi wa ubalosi huu.

Fale Conosco

Utilize este meio para falar com a Embaixada da Tanzânia para resolver assuntos consulares e solicitar material para divulgação da Tanzânia.